O Segredo para Replantar Orquídeas sem errar e ter sucesso

O primeiro passo quando você compra uma orquídea, é verificar como ela foi plantada para caso necessário replantá-la.

Observe se a planta está com doenças como ter algumas partes podres, manchas nas folhas, se o substrato dela parece velho, se as raízes estão apodrecendo e o mais importante se ela cabe bem dentro do vaso.



Caso você encontre um desses requisitos você vai precisar replanta-la de uma maneira simples.

O primeiro passo é definir qual tipo de vaso será ideal para ela.

Na hora das pessoas pesquisarem como plantar orquídeas em vasos é muito comum ter a dúvida de qual vaso utilizar.

Mas quando vamos a lojas especializadas a isso, encontramos diversos tipos de vasos, sendo eles de plásticos, madeira e barro.

Sugerimos para leitura:
Manual Completo de Como Cuidar de Orquídeas

A verdade é que todo vaso para orquídea é bem-vindo, mas tudo depende do tempo que você tem para se dedicar.

Alguns vasos ajudam a manter a umidade por mais tempo, como os vasos de plásticos, enquanto os outros conseguem fazer com que a secagem seja mais rápida.

Outro ponto importante é definir o tamanho do vaso que você pretende usar, caso vá plantar a orquídea ou replantá-la, o vaso nunca deve ser grande demais, mantenha-o pelo menos dois cm a mais que o tamanho da planta.

Algumas pessoas possuem a dúvida se devem ou não utilizar pratos nos vasos. Os pratos existem para não deixar a água do vaso escorrer e molhar o lugar onde você colocou.

Não tem problema em fazer a utilização desse utensilio, mas você precisa ter total noção de que ele tem os seus devidos cuidados também.

Quando você deixa a água no prato parada, além de atrais insetos, a água vai permanecer filtrada na base da planta, levando ao apodrecimento das raízes.

Depois de fazer essas definições, você vai precisar seguir alguns pontos para saber como plantar orquídeas em vasos:

Quando for fazer a remoção da planta, molhe-a bem para que as raízes absorvam água e fiquem mais soltas e fácil de removê-la;

Lave bem o vaso para orquídea que você vai colocar e não se esqueça de decidir qual será o tamanho ideal;



Pegue uma tesoura, esterilize-a e retire as raízes que estiverem secas e mortas;

No vaso você tem diversos tipos de substratos que você pode colocar para ajudar no desenvolvimento dela, certifique-se qual é mais adequado para sua orquídea.

Quando decidir é só preencher o vaso com eles.

Sugerimos para leitura:
Manual Completo de Como Cuidar de Orquídeas