5 tipos de orquídeas para ter em casa e arrasar na decoração

As orquídeas são uma das plantas mais bonitas do mundo. Cada tipo de orquídea tem uma aparência individual e características únicas. Confira 5 tipos de orquídeas para ter em casa

5 tipos de orquídeas para ter em casa

As orquídeas também são usados ​​em muitas indústrias e profissões diferentes. Muitas pessoas se divertem observando e cuidando de orquídeas.

Curiosidades sobre as orquídeas

Orquídeas populares são frequentemente cultivadas em jardins devido à sua aparência única, mas também adoram serem cultivadas dentro de casa e trazem uma beleza ímpar para os cômodos.

Algumas pessoas usam orquídeas na fabricação de perfumes para criar belos perfumes que seduzirão o nariz e o coração também. Além disso, as pessoas usam as orquídeas na terapia para aliviar o estresse e a ansiedade; parece que toda profissão usa essas lindas flores de alguma forma.

Muitas pessoas tendem a associar o nome orquídeas ao significado de amor eterno. Isso ocorre porque muitos romances famosos fazem referência a orquídeas ao discutir temas de amor e casamento.

Maravilhosas! As orquídeas são utilizadas em diversas situações, seja na indústrias de perfumes, decoração de casa, enfeites de festas e buffets, decoração de jardim, na profissões devido à sua aparência atraente e em muitos outros locais e de diversas maneiras. Basicamente, essas flores têm poderes incríveis que afetam nosso dia a dia!

Confira agora 5 tipos de orquídeas para ter e cuidar em casa

Vanda Orquídea

As orquídeas Vanda são uniaxiais (crescem de um caule ereto) com folhas longas e pontiagudas que se abrem.

Você pode ver pontas de flores no topo das hastes de plantas maduras. Vanda pode florescer o ano todo, e a primavera e o verão florescem com mais vigor.

Elas podem florescer 2 ou 3 vezes por ano, desde que suas necessidades sejam atendidas. Luz brilhante e noites frescas encorajam a floração.

Vanda Orquídea

A maioria das vandas são epífitas (crescem em galhos) em seu habitat nativo. Para imitar o estilo de vida aéreo local, as vandas são muitas vezes plantadas em cestas de orquídeas vanda com ripas de madeira, suspensas de forma que as raízes fiquem penduradas nas ripas abaixo.Use vasos nesses estilos para cultivar suas vandas dentro de casa, elas adoram e dão muitas flores durante muito tempo no ano.

Orquídea Phalaenopsis

Orquídea Phalaenopsis estão crescendo em popularidade como plantas de casa por causa de sua facilidade de cultivo e suas flores bonitas e duradouras.

O nome Phalaenopsis significa “como uma mariposa” e, em sua terra natal, as Filipinas, diz-se que a espécie selvagem se assemelha a enxames de mariposas na selva.

Orquídea Phalaenopsis decorar casa

Phalaenopsis pode ser cultivada em uma variedade de meios de envasamento, mas tenha em mente que diferentes tipos requerem cuidados diferentes.

Certifique-se sempre de permitir que o meio seque entre a rega de todo o vaso, ou você pode sofrer de podridão da raiz. Elas são lindas e combinam muito com decoração para uma jantar especial em casa.

Orquídea Cattleya

As orquídeas Cattleya são consideradas um gênero de orquídea de baixa manutenção. Necessitam de pouca água (aliás, são muito tolerantes à seca) e de sol pleno.

Embora gostem de lugares claros, também podem queimar sob a influência da luz solar direta. Encontre um local semi-sombreado ou coloque-o no parapeito de uma janela atrás de cortinas pesadas.

As orquídeas Cattleya adoram condições de alta umidade (apenas certifique-se de não perturbar as flores durante a nebulização, pois elas tendem a apodrecer facilmente quando molhadas).

Orquídea Cattleya

Quando se trata de requisitos de solo, use uma mistura de casca de orquídea. O melhor de tudo é que você encontra a mistura sem solo. Cattleyas são consideradas plantas de crescimento lento, então não precisarão ser replantadas por dois ou até três anos!

A alimentação adicional também é necessária, pois estimula o crescimento saudável e a floração. Problemas comuns geralmente incluem excesso de água ou muito sol. Ainda assim, ambos podem ser facilmente corrigidos.

Veja: Como cuidar da dipladênia uma flor linda e colorida

Orquídea Laelia

As orquídeas Laelia já foram um gênero grande e diversificado de orquídeas nativas dos trópicos do México, das Índias Ocidentais e aqui no Brasil.

Em seu habitat natural, esses tipos de orquídeas podem ser encontrados em áreas secas e altas montanhas propensas a geadas. Dependendo da espécie de orquídea e de onde é cultivada, as orquídeas Laelia podem ser orquídeas quentes ou frias.

É verdade que a luz do sol é essencial para que as orquídeas Laelia floresçam de maneira bonita e produtiva, mas não se esqueça de que o calor direto e a luz forte podem ser prejudiciais às orquídeas.

Orquídea Laelia

Assim como as pessoas, as orquídeas podem sofrer queimaduras solares. Folhas amareladas e flores marrons queimadas são sinais reveladores de superexposição.

Essa espécie é ótima para ter em casa e decorar qualquer cantinho com uma charme todo especial e uma beleza incrível

Orquídea Dendrobium

Dendrobium é uma das maiores e mais diversas orquídeas. Eles são nativos do sudeste da Ásia e vivem em uma ampla variedade de condições naturais, tornando-os um excelente complemento para quase todos os colecionadores, são perfeitas para cultivar dentro de casa.

As espécies mais comuns nas lojas são os híbridos de dendrobium, por isso vamos nos concentrar em alguns cuidados básicos com essas lindas epífitas relativamente fáceis de cuidar.

Orquídea Dendrobium

Dendrobium prefere luz indireta brilhante. Embora possam ser colocados em locais com pouca luz, eles podem não florescer sem sol pleno.

Eles podem prosperar em janelas voltadas para o sul ou oeste, apenas certifique-se de que não recebam muita luz solar direta. Cortinas transparentes podem ajudar a prevenir queimaduras solares nas folhas.